terça-feira, 11 de outubro de 2016

Parábola das dez virgens - explicação e estudo

parábola das 10 virgens, explicação de Mateus 25, mateus 25:1, Virgens loucas, virgens prudentes, dez virgens esboço, parábola das dez virgens estudo, explicação mateus 25
     
 Olá leitor do Blog como está?
Obrigado por sua visita em nossa página, fique a vontade e deixe seu comentário do final da postagem. 

Hoje estudaremos sobre a Parábola das dez virgens, conheceremos o contexto do texto e quero leva-lo a refletir nessa mensagem, para a sua vida! Tenho certeza que ela ira de encontro com o que você precisa...
       
         Nos capítulos 24 e 25 de Mateus, temos um discurso escatológico descrito por Jesus. Desde o início da leitura podemos entender que o que  Jesus dizia, se tratava de um sermão profético sobre o fim de todas as coisas.
O capítulo 24 começa quando Jesus acabara de sair do Templo e foi para o monte das Oliveiras e estando sentado os discípulos começam a indagar: "Dize-nos quando vai ser isso, qual é o sinal da tua vinda e do fim desta época". 
Então Jesus responde descrevendo como será nos últimos dias, o principio das dores , a grande tribulação, a vinda de Cristo em glória. 
E por meio de algumas parábolas ele exemplifica o seu sermão: parábola da figueira, vigiar para não ser surpreendido, a parábola dos dois servos e a parábola da dez virgens.
        Agora que você já esta situado (a) no que antecede o capítulo 25 do nosso estudo, posso começar a falar sobre essa parábola que é bem conhecida pelos leitores da bíblia. 

Nos versículos 1-6, Jesus começa a parábola fazendo uma comparação com o Reino dos Céus, que é semelhante a dez virgens que, tomando suas lâmpadas, saíram ao encontro do noivo, mas cinco eram loucas e cinco prudentes, as insensatas ao pegarem as lâmpadas, não levaram azeite consigo, enquanto as prudentes levaram vasos de azeite com suas lâmpadas.
 Então o noivo se atrasa, todas elas acabam cochilando e dormindo.
 Quando era meia-noite, ouviu-se um grito: O noivo vem aí! Saí ao seu encontro!. 

Vamos entender o contexto desses versículos?
 
"Quando um jovem judeu nos tempos de Jesus, encontrava a mulher que queria (ou a mulher que seu pai dizia que ele queria), ele teria que se aproximar dela com um contrato de matrimônio. Ir á casa da moça com uma proposta, um acordo legal e verdadeiro, dando os termos pelos quais ele estava propondo o casamento. O mais importante a ser considerado no contrato, era o preço que ele estava disposto a pagar, para desposar aquela noiva em particular.
Devemos mencionar que esse valor não era “qualquer valor”, modesto e barato, mas ele deveria expressar o grande custo que aquele item “a noiva” lhe traria, que seria de grande valor para ele. Tendo que pagar caro, pela noiva que escolhesse. Quando esse assunto estava encerrado, o noivo partiria. Mas antes ele fazia um breve discurso à sua noiva dizendo: “Eu vou preparar lugar para você”, então ele retornava à casa de seu pai. De volta à casa do pai, ele tinha que construir para ela uma câmara de núpcias, uma pequena suíte, na qual eles teriam sua futura lua de mel. Notemos que essa era uma tarefa complexa para o noivo. Ele deveria realmente edificar um aposento separado da casa de seu pai, a suíte nupcial deveria ser linda, ninguém passa a lua de mel em “qualquer lugar”, e ali deveria haver provisões estocadas, pois a noiva e o noivo permaneceriam sete dias ali dentro. Esse projeto de construção tomaria praticamente um ano, e o pai do noivo seria o juiz sobre quando a obra estaria terminada. (Se fosse atribuído ao noivo, ele faria qualquer coisa e logo iria correndo buscar a noiva).
Por sua vez a noiva, deve esperar pacientemente. Ela teria que gastar o tempo de espera para preparar seu enxoval. A tradição mandava que ela tem que ter consigo uma lâmpada de azeite, em caso do noivo chegar em altas horas da noite escura, estando pronta para viajar de um momento para outro. Durante esse longo período de espera, ela tinha que ser conhecida como “consagrada”e “separada”. Algumas vezes o jovem poderia se ausentar por um período longo, mas obviamente voltaria em busca de sua noiva que tinha pagado um alto preço por ela. Nesse período de espera ela deveria usar um véu, sempre que saísse de casa, a fim de que outros jovens soubessem que ela já estava comprometida, e assim não se aproximariam dela com outra oferta de casamento. Ao decorrer do ano, a noiva deve convocar suas irmãs e suas melhores amigas, e todos os demais que iriam com ela para as bodas para estarem preparadas, para a chegada do noivo. Suas lâmpadas teriam que estar com o azeite prontas! 
Finalmente, a câmara nupcial estando pronta, o noivo então convocaria seus jovens amigos, para acompanha-lo na jornada ansiosa em busca da noiva. O grande momento chegou, e o noivo está mais que preparado. Ele e seus amigos entrariam pela noite, tentando de tudo para fazer a maior surpresa para a Noiva. E essa é a parte romântica, todas as noivas judias eram “roubadas”. Os judeus tinham um entendimento especial do coração das mulheres. Que alegria para ela ser tomada durante a noite, não por um estranho, mas pelo qual a amou tanto que pagou alto preço para tê-la.
Na casa da Noiva, as coisas deveriam estar prontas! Pois o noivo tentaria chegar à meia-noite, enquanto ela dormia. A lâmpada de óleo pronta, e o véu estar à mão. E enquanto ela dormia vestida de noiva, ela deveria ser surpreendida com a chegada do Noivo, e pronta para seguir com ele. Ele não poderia simplesmente arrancá-la de casa dormindo. Na verdade, quando a turma de jovens amigos do Noivo se aproximava da casa dela, eles eram obrigados a dar a ela um sinal. Alguém naquela turma deveria dar um grito! Quando ela ouvisse aquele grito, saberia que seu Noivo chegaria em mais alguns momentos.  Só daria tempo para acender sua lâmpada, tomar seu enxoval, e sair com ele. Suas irmãs e suas amigas, que quisessem assistir às bodas, também tinham que estar com suas lamparinas prontas. Ninguém poderia andar pela noite escura, no terreno rochoso de Israel, sem carregar uma lâmpada"!
       Esse é o contexto da Parábola, podemos notar que Jesus não usa a figura da noiva, mas sim a imagem das virgens que seriam as amigas da noiva que também estavam a espera do noivo. Todos os que estavam junto dela, tinham que estar prontos para a chegada do noivo. É isso que Jesus ressalta ao contar esta parábola que todas tinham as lamparinas mas só cinco levaram o azeite reserva na vasilha e as outras cinco ele as chama de tolas.
 Jesus era judeu e ele fazia coisas como um judeu. Frequentemente, se consultarmos as leis e costumes judaicos, vamos achar muitos motivos para as atitudes tomadas por Cristo. Ele seguiu essas tradições e peculiaridades quando escolheu sua noiva!
Meu querido leitor, será que estamos prontos para a vinda do noivo? 
Sabemos que o noivo desse conto é o Noivo Jesus que tanto esperamos já a quase dois mil anos.
Quem sabe você está perdendo a esperança da vinda do tão esperado Noivo. 
  Saiba que Jesus esta muito próximo de arrebatar a igreja. As virgens representam todos os que confessam Jesus Cristo como Salvador, pois todas tinham as lâmpadas como já foi citado mais a cima.
 A diferença está no azeite, ter e não ter o óleo para que a chama não se apague.
 O azeite representa a presença do Senhor, o Espírito Santo em nossas vidas!
 Como está sua candeia? 
Como está sua vida com Deus? se tem fogo ainda, como está sua vasilha da reserva? ou você está vivendo por um fio para que a chama do Espírito Santo se apague em sua vida?
  Será  que tem faltado oração, perdão, arrependimento, amor, paciência, temperança, paz, fé, mansidão, longanimidade, bondade, diferença, obediência, confiança. meditação na palavra e etc? Se tudo isso faltar na sua vida certamente seu vaso de azeite está vazio! E isso não é um bom sinal, pois o noivo esta as portas. 

Notemos que quando o noivo está próximo no V.6 se ouve um grito, anunciando que ele estava chegando. Assim é em nossos dias, Jesus tem seus amigos que estão em todos os lugares anunciando a vinda do Noivo, não só a vinda dele para o arrebatamento mas também sua vinda particular para cada pessoa. Jesus permite que seu nome seja anunciado para toda a criatura! É isso que estou fazendo nesse post, para te dizer que há tempo, ainda hoje de você mudar sua vida, suas atitudes, suas maneiras para com Deus.
  Começe a encher a vasilha da reserva, para que a chama do Espírito Santo nunca venha a apagar em sua vida, e quando o noivo chegar você estará pronto!!!
 Talvez você ainda não tenha Jesus Cristo em sua vida, não o confessou como Salvador, mas esse é o momento que Deus lhe proporciona de acreditar que Jesus se entregou numa cruz para perdão dos nossos pecados, para que todo aquele que nele crê, não pereça mas tenha a vida eterna!
Mas se você demorar demais, como as cinco loucas fizeram, elas vendo que seu azeite se acabara, pedem para as prudentes que dessem a elas do seu azeite, as sabias respondem: V.9 "De modo algum, o azeite poderia não bastar para nós e para vós. Ide aos que vendem e comprai para vós" enquanto elas foram comprar azeite o noivo chegou, e as prudentes foram para as bodas e a porta é fechada. 
Imagine que triste essa cena, da volta das cinco virgens loucas quando chegam a porta, elas dizem: 'Senhor, senhor, abre-nos!' (v.11). Mas ele respondeu: 'Em verdade vos digo: Não vos conheço!(v.12). 
Eu conjecturo que elas não conseguem comprar o azeite pois já era tarde, então voltam com suas lamparinas apagadas e ao bater na porta, não se tinha luz para que o noivo as vissem na escuridão da noite. 
Isso que aconteceu na parábola, relata o que irá acontecer. 
O Noivo precisa que nós estejamos iluminados pelo Senhor, pois o mundo está e trevas em uma completa escuridão e se não tiver luz, se não tiver diferença, o Noivo não nos reconhecerá!  Portanto, leitor (a) eu quero terminar com o último versículo deste capítulo que estudemos, 

" VIGIAI, portanto, porque não sabeis nem o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir" (v.13).


Que Deus te abençoe!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Baixe nosso aplicativo - Blog Palavra Diária

http://www.appsgeyser.com/widget_build_status.php?widget_name=Blog%20Palavra%20Di%c3%a1ria


Paz querido leitor como vai?
Obrigado por sua visita aqui e cada comentário que deixam em nossos posts, só Deus para recompensá-los.
Hoje vim trazer uma novidade para vocês. Como os tempos mudam e a tecnologia está avançando rapidamente, decidi disponibilizar o aplicativo do nosso blog.

No aplicativo do Blog Palavra Diária você continuará tendo os mesmos benefícios que tem na nossa página, mas com a diferença que não vai precisar ficar digitando ou procurando o nosso link.
Ainda estamos aperfeiçoando os detalhes mas com o tempo a gente vai melhorando (rsrsrs)

Então galera baixem o nosso aplicativo no link abaixo, instale e compartilhe se possível. Nos ajude a divulgar o reino de Cristo.
Link para baixar diretamente no celular: Clique aqui
Ou se preferir acesse: http://app.appsgeyser.com/3647373


Caso não consiga instalar imediatamente faça os seguintes procedimentos:
Passo 01:
Acesse as "configurações" em seu aparelho e clique em "segurança"

Passo 02:
Localize o item " fontes desconhecidas", na seção "administração do dispositivo"

Passo 03:
Toque na chave ao lado e confirme sua escolha para passar a permitir a instalação de arquivos APK baixados por fontes alternativas;

Passo 4. Baixe um arquivo APK no dispositivo, ou mova para a memória a partir de um PC, e abra normalmente para iniciar a instalação.
Pronto. Imediatamente, seu Android deixará de bloquear a instalação de aplicativos que não foram baixados do Google Play, expandindo o leque de locais de onde você poderá baixar jogos e apps. Algumas lojas contém, inclusive, versões antigas de programas que você usa – para isso, vale visitar o APK Mirror.

Qualquer dúvida entre em contato pelo email: palavradiariadevida@gmail.com

Abraço!

sexta-feira, 24 de junho de 2016

O que é batalha espiritual? como vencê-la?


 O que é batalha espiritual? como vencê-la?

"Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais."  (Efésios 6 : 12)


Paz queridos leitores do Blog Palavra Diária como está?
Obrigado por sua visita em nossa página, é uma alegria ter você por aqui. 

O Assunto de hoje é:  batalha espiritual
Você sabe o que é?
 Sabe como podemos vencer uma batalha espiritual?

Antes de qualquer coisa peço que você não tenha pressa ao ler esse estudo, tenha calma e leia-o até o fim,  pois se você está enfrentando uma  luta espiritual com certeza esse post vai te ajudar e direcionar.

Em todo tempo que exerçoo ministério pastoral, posso afirmar que existe uma luta travada contra os escolhidos de Deus.
Ignorar essa batalha é quase que um atestado de derrota. Muitos dizem que batalha espiritual não é coisa para crente, mas será mesmo?

Onde se inicia a batalha espiritual?
Outrora servíamos ao mundo e vivíamos afastados de Deus, e longe dos caminhos Dele.  Então querendo ou não fazíamos tudo que o inimigo (satanás) queria e gostava.

Mas quando aceitamos Jesus e o  plano de salvação, automaticamente no mundo espiritual nos tornamos amigos de Deus e inimigo do mundo. Mas quando negamos a fé e vivemos conforme os preceitos desse mundo nos intitulamos inimigos de Deus.
 " Não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus."  (Tiago 4 : 4)

A batalha espiritual tem início no momento da conversão, onde o homem entrega seu caminho para Deus e aceita Jesus como seu único e suficiente salvador.
Será muito difícil entender essa batalha em sua totalidade, mas lendo a bíblia sagrada vemos que os verdadeiros servos de Deus sempre tiveram grandes oposições.

Onde essa batalha ocorre?  
Escrevi há tempos atrás um estudo sobre: Porque devemos cuidar do nosso pensamento?
 A batalha espiritual ocorre na nossa mente ou seja no nosso pensamento.
O que é pensamento?

Pensamento e pensar são, respectivamente, uma forma de processo mental ou faculdade do sistema mental1 . Pensar permite aos seres modelarem o mundo e com isso lidar com ele de uma forma efetiva e de acordo com suas metas, planos e desejos.Palavras que se referem a conceitos e processos similares incluem cognição,senciência, consciência, ideia, e imaginação. O pensamento é considerado a expressão mais "palpável" do espírito humano, pois através de imagens e ideias revela justamente a vontade deste.
O pensamento é fundamental no processo de aprendizagem. O pensamento é construto e construtivo do conhecimento.

Porque Deus nos fez criaturas pensantes?

Deus nos fez diferente dos outros seres vivos. A bíblia diz que fomos feitos a imagem e semelhança do nosso Deus. O Senhor criou o homem com o poder de raciocinar e assim dominar a terra e os animais. ( (Gênesis 1 :28)

Imagine
Quero que você nesse momento se desligue de tudo a sua volta, quero que se puder feche seus olhos e imagine uma  linda casa branca,com janelas verdes. Agora você está olhando para as paredes dessa casa e esta vendo um quadro maravilhoso de uma paisagem, agora saindo pela porta tem uma escada que leva você direto para um jardim repleto de flores  rosas e roxas na frente, com uma grama verde que contrasta com toda a beleza ao redor.

Viu como a mágica acontece? foi dada as informações ao você ler, e em menos de milésimos de segundos seu cérebro começou a criar imagens que são totalmente imaginárias mas reais e interessantes.

Percebeu porque a batalha espiritual ocorre na mente?
Nosso cérebro comanda todo nosso corpo e por isso devemos cuidar muito dessa dádiva que Deus nos concedeu.
Mas se o diabo não pode tocar em mim, como pode manipular a minha mente e travar uma batalha contra mim?
Já estudou sobre dardos inflamados e setas do maligno?
"Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno."  (Efésios 6 : 16)

Dardos inflamados  ou setas malignas são pensamentos e sentimentos que satanás tem poder de lançar em nossa mente e coração.
Alguns tipos de setas ou dardos que existem:
- duvida
- medo
- pertubação
- malicias
- maldades
-desânimo
- tristeza
São por aceitar essas setas que muitos chegam ao suicídio, depressão e outras coisas inimagináveis.
Veja o que ocorreu com John Bunyan, autor do livro O Pelegrino, quando foi afligido por uma verdadeira chuva de dardos inflamados do maligno. O trecho a seguir encontra-se no Livro Guerra Espiritual - Combatendo a Boa Batalha da Fé, de Brian Brodersen, nas páginas 22 e 26:
"Por aproximadamente um mês, uma grande tempestade abateu-se sobre mim, atingindo-me vinte vezes mais forte do que qualquer outra que já havia enfrentado. Ela assaltou-me aos poucos, parte por parte; primeiro, todo o meu conforto me foi tirado, depois as trevas se apoderaram de mim, então, rios de blasfêmias contra Deus, Cristo e as Escrituras fluíam no meu espírito, para a minha completa perplexidade e confusão. Esses pensamentos blasfemos despertaram questionamentos em mim contra a própria existência de Deus e de seu único amado Filho. Questionava-me se existia realmente um Deus ou um Cristo e se as Escrituras Sagradas não eram apenas fábulas ou histórias da carochinha, em vez de ser a santa e pura Palavra de Deus. O tentador também me atacava por meio de outros pensamentos: “Como posso afirmar que Jesus é o Salvador através das Escrituras se os mulçumanos podem fazer o mesmo em relação a Maomé? Como é possível que milhares de pessoas pelo mundo vivam sem conhecer o caminho para o céu? E se realmente existe um céu, somente nós, de uma parte da Terra, devemos ser abençoados por ele? Todos pensam que sua própria religião é a mais correta, tanto judeus e mouros, como os pagãos, e se Cristo, as Escrituras e a nossa fé também forem simplesmente um achismo?”. Por vezes, esforcei-me a debater essas influências e citar algumas das frases do abençoado Paulo contra elas. Mas, aí de mim, por que logo caía quando assim o fazia, pois tais argumentos voltavam-se rapidamente contra mim. Embora tenhamos dado grande importância a Paulo e a suas palavras, ainda sim poderia dizer que, na verdade, ele foi muito sutil e astuto, enganando por meio de ilusões com a intenção de eliminar e destruir seus companheiros. Essas influências, junto a muitas outras, as quais não posso e não ouso expressar nem com palavras nem à caneta, dominaram de tal maneira o meu espírito e sobrecarregaram o meu coração, igualmente em número, duração e força, que senti como se não houvesse mais nada dentro de mim além disso, dia e noite. Definitivamente, não havia espaço para mais nada. Também concluí que Deus, em grande ira para com a minha alma, me entregou a essas influências, para que fosse carregado por elas, como em um redemoinho. Foi somente por meio do desgosto que esses questionamentos trouxeram ao meu espírito, que senti que havia algo em mim que se recusava a aceitá-los. Mas eu apenas pude considerar isso, quando Deus me permitiu engolir minha própria saliva, se não o barulho, a força e o poder dessas tentações já teriam me afogado. Enquanto passava por essas tentações, constantemente minha mente colocava-se a amaldiçoar e xingar, e dizer graves coisas contra Deus, ou Cristo, seu Filho, e as Escrituras. Então eu pensei: “claro que estou possuído pelo diabo”. E em outros momentos pensei novamente: “provavelmente fui privado do meu bom senso”. Em vez de enaltecer e magnificar o Senhor como os outros. Se eu apenas tivesse ouvido Ele falar, alguns dos mais horríveis e blasfemos pensamentos teriam sido postos para fora do meu coração. Não importava se eu pensasse que Deus existia ou se, no momento seguinte, achasse que não existia nada disso, porque nem amor, nem paz, nem graça eu conseguia sentir dentro de mim. Essas coisas me afundaram em um profundo desespero, pois concluí que elas não poderiam, de maneira nenhuma, ser encontradas entre aqueles que amam a Deus. Frequentemente, quando essas tentações se abatiam sobre mim, eu me comparava a uma criança que fora levada à força por um cigano, para longe de seus amigos e de seu país. Às vezes, eu chutava e também gritava e chorava, mas ainda estava amarrado às asas da tentação e o vento carregava-me para mais longe. Também pensei em Saul e o espírito demoníaco que o possuiu. Tive o imenso temor de que a minha condição fosse a mesma que a dele (1 Samuel 16:14). Naqueles dias, quando ouvia outras pessoas falando sobre o que era pecar contra o Espírito Santo, o tentador despertava em mim o forte desejo de cometer tal pecado. Eu não conseguia e nem podia ficar calado até que eu o cometi. Depois disso, nenhum outro pecado me servia mais, a não ser esse. Se para ser cometido fosse necessário colocá-lo em palavra, então, foi como se a minha boca o pronunciasse contra a minha própria vontade. Essa tentação era tão forte, que, por muitas vezes, eu ficava preparado para lançar a minha mão debaixo do meu queixo, para impedir que a minha boca se abrisse. Nesse ponto, cheguei a pensar algumas vezes em me atirar de cabeça em uma poça de lama para não deixar a minha boca falar."

Viu o que satanás tenta fazer conosco a todo tempo? Ele tenta nos impedir de pensar em Deus e no seu reino.
Posso testemunhar sobre batalha espiritual porque eu também passei algo parecido com o que John Bunyan passou.

Há uns 5 anos atrás passei a mais terrível prova da minha vida: A luta espiritual.
Por aproximadamente um ano passei uma grande batalha na mente e a venci.
Eu já era conhecedor da palavra e sabia o que era ter uma vida com Deus, mas de repente a esperança deu lugar ao questionamento, e a minha confiança transformou-se em grande agonia e desespero.
Durante muitas e muitas noites eu não conseguia dormir, pois um medo inexplicável rondava meu coração. Parecia que a presença do mal estava ao lado da minha cama, e quando eu tentava dormir algo sufocava-me e eu logo acordava com uma sensação de pavor.
Talvez você esteja pensando: ahhh mas você orava antes de dormir? Sim, eu orava.
Mas uma batalha contra a minha vida tinha se iniciado e eu nem percebia. 
Como eu era alvo de grandes promessas de Deus, sabia que o inimigo lutaria contra mim, e a batalha foi a espiritual.
Os dias se passaram e as únicas coisas que vinha na minha mente era:
Desista .....
Pare com tudo .....
Veja, você é inútil....
Ninguém pode te ajudar .....
Cadê o teu Deus?
Cadê as promessas?
Essas entre outras coisas deixavam-me entristecido e angustiado, e ao invés de usar minha fé e vencer, resolvi aceitar e ir ao declínio na vida espiritual.
Depois de muito sofrer, pensei comigo se era pertinente continuar daquela maneira, se não era mais fácil abandonar tudo e começar uma nova vida.
Foi quando orei e pedi misericórdia de Deus e fiz a seguinte oração:

" Senhor Deus.
Vim hoje aqui orar para dizer que não aguento mais, as lutas são tão intensas que não consigo sozinho.
Se o Senhor ainda tem um plano na minha vida, por favor me ajude a ver uma saída, porque estou angustiado e querendo desistir de tudo.
Preciso que  urgentemente fale comigo, pois senão, vou desistir de tudo pois assim não posso continuar."
Então quando foi a noitezinha, uma missionária abençoada foi jantar em nossa casa, logo após o jantar ela me olhou e disse se poderia orar por mim. Pensei comigo:" Ah uma oração a mais ou a menos dá no mesmo."
Quando de repente ela  disse:- Meu irmão to vendo a luta que o diabo travou na tua mente, ele entrou numa grande batalha contra você , e uma das coisas que ele fala é queo melhor pra você seria abandonar tudo.
Deus revelou pra ela o que acontecia comigo, e o detalhe é que a maioria dessas coisas nem minha esposa sabia.
 A missionária orou por mim e depois daquele momento a minha vida foi totalmente mudada, pois todo medo e angústia sumiram, toda vontade de desistir de tudo saiu do meu coração.
Aquele dia foi o divisor de águas em meu ministério, pois Deus me deu a grande vitória sobre o reino das trevas.
 A luta era pra me derrubar, mas Deus me levantou......
O plano era me desanimar mas Deus me alegrou.....
 O inimigo queria roubar meus sonhos, mas Deus está cumprindo cada um deles em mim.
Isso não é maravilhoso?

Senti em meu coração de contar esses testemunhos para a tua edificação espiritual, pois talvez você esteja enfrentando tudo o que passei mas não sabe com vencer.
Acredite, você não veio até esse post em vão, Deus quer te alegrar e mudar todo o teu viver.

  Então como vencer a batalha espiritual?

Simples. Usando armas espirituais.
Se existe existe uma batalha, existe também um inimigo e armas para vencê-lo.
Deus jamais deixaria-nos sem estratégias para derrubar as astutas ciladas do inimigo.


1º- cuide do seu coração
 " Porque do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios,
  Os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura.
  Todos estes males procedem de dentro e contaminam o homem." ( Marcos 7: 21-23).
No coração começa tudo mesmo: Teus sonhos, projetos e realizações começam em sua mente primeiramente. Assim como uma casa que antes de ser desenhada no computador ou papel por um engenheiro, é "idealizada" antes no pensamento.
Em que você tem pensado durante o seu dia?

2º - Cuide daquilo que pensas
É isso que o inimigo tenta a todo tempo  controlar ou manipular.
Já ouviu aquele ditado: " cabeça vazia é oficina do diabo" ?
O inimigo usa armas invisíveis e poderosas para tentar manipular o que você pensa. Devemos saber que nossa luta não é contra carne e contra o sangue. mas sim contra as potestades e principados.
 Nossa luta é espiritual e então para vencer devemos estar sempre ligados a coisas espirituais.

Durante o seu dia se possível, ouça hinos de adoração, leia livros, busque a Deus em todo tempo pois assim não dará margem para pensamentos ruins e contrários.

- Medite nas coisas do alto (Colossenses 3:2):

Pense em coisas boas e edificantes, medite sobre momentos bons em casa, ou em sua família. Ocupe-se com bons sentimentos  e jamais de lugar a coisas negativas , pois assim com certeza terá um dia produtivo e abençoado.
Medite na poderosa palavra de Deus como diz  (Salmos 1:1-3):

 " BEM-AVENTURADO o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
 Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite.

  Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará."
Lembre  dos testemunhos que ouviu na igreja, medite nas passagens bíblicas que ouviu durante a semana.
 

- Tenha uma vida de  jejum e oração:
 "Não vos priveis um ao outro, senão por consentimento mútuo por algum tempo, para vos aplicardes ao jejum e à oração; e depois ajuntai-vos outra vez, para que Satanás não vos tente pela vossa incontinência."  (I Coríntios 7 : 5)
Os crente de hoje ( não generalizando) mal oram durante o dia e quem dirá fazem um jejum na semana.
É óbvio  que o jejum não nos torna super-heróis da fé cristã. Mas unindo leitura da palavra, jejuns e vida de oração, não há nenhum mal que tenha êxito contra a nossa casa.


Essas são algumas de muitas armas poderosas para vencermos todas as batalhas da vida, não desperdice teu precioso tempo duvidando ou dando margem para o inimigo destruir você e teus sonhos.
Existe um Deus que é poderoso para te ajudar, não lute sozinho (a). 
Talvez sua batalha está te desanimando e te tirando o sono, mas seguindo os passos acima tenho plena certeza que você vencerá.
Então:
Ore
Adore
Busque
Glorifique
Não sofra sozinha (o) Busque ajuda e conselho de um pastor que seja espiritual e verdadeiramente um homem de Deus.
Jamais se isole, e ore para que Deus coloque pessoas segundo o seu coração para te ajudar.
Amém?

Se gostou desse estudo peço que comente logo abaixo, e se te ajudei de alguma forma conte-nos seu testemunho. Será uma alegria imensa saber que Deus entrou com providência na sua vida.


Abraço.


Já conhece nosso blog de devocional cristão?



quinta-feira, 16 de junho de 2016

Cego de Jericó - O poder da Decisão

Cego de Jericó - O poder da Decisão
Você já se decidiu hoje?


Graça e paz querido leitor (a) como está?
Obrigado pelo acesso a nossa página e por se inscrever para receber nossas postagens em seu email.
É a sua presença aqui que nos incentiva a continuar escrevendo estudos e reflexões para a edificação espiritual daqueles que necessitam.

  O assunto de hoje é: O poder da decisão.

Você é uma pessoa decidida? 
O que você será daqui 5 anos?
Já sabe?

Quero que compreenda que a decisão está em nossas mãos, e perder ou vencer está sempre em nossas escolhas cotidianas.
E quem não é decidido?
Bom ,os não decididos são levados pelo acaso, e como diz a famosa frase; "o que vier é lucro".
Será que Deus abençoa e se agrada de pessoas indecisas? 

Eu estava meditando sobre a vida do cego de Jericó chamado Bartimeu. Todo cristão conhece essa passagem bíblica.
Sabemos que era alguém pobre, mendigo e que vivia a margem da sociedade. Impedido de entrar em Jerico por sua condição social e física, não perdeu seu tempo reclamando ou questionando.
Imagine ele  sentado a beira do caminho como normalmente fazia, esperando mais uma esmola e uma oportunidade para poder sobreviver. Quando de repente a rotina do seu caminho é mudada.
 O cego escuta um alvoroço de pessoas e logo pergunta : "O que é isso"?
Alguém lhe responde:- Jesus Nazareno esta passando aqui.
Bartimeu não perde um segundo e começa a clamar: "Jesus, Filho de Davi, tem misericórdia de mim."
Ele bem sabia que talvez era sua única oportunidade de cura e de mudança de vida. Por isso não deixa de clamar quando tentam o impedir de chamar pelo Mestre.
Depois de muita insistência o próprio Jesus manda chamá-lo. 
Agora Bartimeu esta face a face com o famoso Filho de Deus que tudo podes fazer.
Mas o ponto principal está nessa resposta leia:

"Então Jesus, parando, mandou que lho trouxessem; e, chegando ele, perguntou-lhe,
 Dizendo: Que queres que te faça? E ele disse: Senhor, que eu veja. (Lucas 18:40-41)

 Muitos questionam essa parte indagando: Porque Jesus perguntou o que queres que eu te faça?
Não precisamos ser nenhum teólogo ou doutor na palavra para entender que nesse momento Jesus deixa o cego de Jericó decidir o que gostaria que  Ele fizesse.
Bartimeu não hesitou quando tinha que ser decidido, não ficou titubeando , pois era focado na sua principal necessidade; Enxergar.
Aprendi muito com essa parte da história. E se Deus te desse a mesma chance que foi dada ao cego de Jericó?
Você saberia o que responder?

Deus só pode trabalhar se você for decidido, pois Ele não se agrada de pessoas sem atitude e sem objetivo.
Quando Deus pergunta a Salomão: O que queres que eu te de?
O rei Salomão responde: 
" Dá-me, pois, agora, sabedoria e conhecimento, para que possa sair e entrar perante este povo; pois quem poderia julgar a este tão grande povo?( II Crônicas 1:10)

Deus se agradou da decisão de Salomão e lhe abençoou grandiosamente. Leia:

 Então Deus disse a Salomão: Porquanto houve isto no teu coração, e não pediste riquezas, bens, ou honra, nem a morte dos que te odeiam, nem tampouco pediste muitos dias de vida, mas pediste para ti sabedoria e conhecimento, para poderes julgar a meu povo, sobre o qual te constituí rei. Sabedoria e conhecimento te são dados; e te darei riquezas, bens e honra, quais não teve nenhum rei antes de ti, e nem depois de ti haverá.
( II Crônicas 1:11-12)

Salomão pediu apenas sabedoria mas recebeu também riquezas, bens e honra da parte do Senhor.
 Está percebendo o poder da decisão?
Deus sempre está determinado a nos abençoar, mas Ele jamais irá fazer algo que você não esteja decidido a receber.
São muitos e muitos exemplos na bíblia sagrada sobre pessoas que foram abençoadas através da escolha correta e imediata.
 Vamos aprender com três passagens bíblicas sobre o poder da decisão?

1- Elias e os Profetas de Baal

"Então Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o. Porém o povo nada lhe respondeu."  (I Reis 18 : 21)

Deus através do ministério de Elias da um ultimato ao povo, dando-lhes uma opção e pedindo uma decisão.
Deus não estava pedindo que os 450 profetas se decidissem, pois eles já estavam no caminho do baalismo, e já tinham se vendido para Jesabel.
Deus está proferindo essas palavras para os 7 mil homens que ainda não tinham se dobrado a baal, mas que porventura estavam indecisos quanto a quem servir.
Deus pergunta: Até quando coxeareis entre dois pensamentos?

Quantos de nós não estamos da mesma maneira?
Queremos ser abençoados mas não decidimos se queremos realmente servir a Deus ou  ao mundo.
Brigamos com nossas próprias vontades e pensamos: Será que Deus realmente me chamou?
Entenda meu irmão(a), Deus quer te abençoar mas para isso precisamos ser decididos e saber o que queremos e o que necessitamos.
E o que vai decidir hoje?

2- Paralítico de Betesda.

"E Jesus, vendo este deitado, e sabendo que estava neste estado havia muito tempo, disse-lhe: Queres ficar são?"  (João 5 : 6).

Você conhece muito bem essa história. Mas o que aprendo com ela é que no momento oportuno, além de sermos indecisos arrumamos sempre uma desculpa.
Diante de Jesus lhe perguntando: Queres ficar são?O paralítico talvez por não conhecer o poder de Deus diz: 
"O enfermo respondeu-lhe: Senhor, não tenho homem algum que, quando a água é agitada, me ponha no tanque; mas, enquanto eu vou, desce outro antes de mim."

Sabe o que muitos fazem?
Ao invés de dizer ; Eu vou vencer em nome de Jesus, arruma sempre desculpas;
É o pastor que não apoia, as portas que estão fechadas, a família que o abandonou, as coisas que são difíceis etc.....
Deus sabe de todas as tuas limitações  e dificuldades, não sejamos insensatos nesses momentos pois Ele quer ouvir de você mesma (o). Jesus quer ver sua reação diante as dificuldades que enfrenta.
Já contou pra ele sobre seus problemas?
Já reconheceu que sozinho (a) não vai conseguir?

Pela misericórdia de Jesus o paralítico foi curado. Mas quantos que conhecemos que já nem acreditam em milagres?
Passam uma vida inteira a sofrer por não crer no poder de Deus?
É tempo de decisão. 
Jesus te pergunta hoje: Queres ser curada (o)?
Quer ser abençoado?
Decida hoje, e não perca mais tempo. Pois o Senhor quer te curar, abençoar e fazer o impossível na tua vida.
Amém?

3- Marta e Maria


"E Maria escolheu a boa parte, a qual não lhe será tirada."  (Lucas 10 : 42)

Essa passagem nos ensina sobre: Deixar nossas prioridades e buscar a Jesus.

 Marta não valorizou a presença de Jesus em sua casa ,enquanto que Maria largou todos seus afazeres para ouvir as palavrasdo Mestre.
 Se você é genuinamente um cristão, deve dedicar tempo para Jesus.
Veja que Ele mesmo disse : Maria escolheu a boa parte e a qual não lhe será tirada.
Pois tarefas do lar e do trabalho teremos todos os dias e enquanto vivermos aqui, mas o que fazemos pra Jesus permanecerá eternamente.
 Ele jamais esquece o que fazemos.
Busque primeiro o reino de Deus e as demais coisas lhe serão acrescentadas.
Deixe um pouco a correria do dia a dia e escolha a melhor parte, escolha Jesus.
 Pois antes de você escolher segui-lo, Ele muitos antes já havia te escolhido.

"Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda."  (João 15 : 16)



A vida é feita de escolhas. E consciente ou inconscientemente estamos escolhendo o que queremos para a nossa vida.
Sugiro que reflita e  faça uma análise dos teus caminhos.
 O que quer da vida?
Onde quer chegar?
Ninguém pode fazer isso por você!
Foque em teus propósitos e tenho certeza que com a ajuda de Deus você irá alcançá-los.
Não desista dos teus objetivos, decida HOJE, AGORA ser um VENCEDOR.

Que esse estudo tenha  orientado e edificado sua vida.!

Que Deus te abençoe .....


Escrito por: Paulo Diego Alves


terça-feira, 14 de junho de 2016

Esaú e Jacó - Porque devemos esperar em Deus?

 
Esaú e Jacó - Porque devemos esperar em Deus?
Esaú e Jacó - Porque devemos esperar em Deus?


Olá querido leitor (a) do Blog Palavra Diária como vai?
Obrigado pela credibilidade e por mais uma vez visitar nossa página.
Agradecemos pelo carinho e pelos comentários. 

No estudo de  hoje iremos aprender sobre esperar em Deus.
 Tem uma frase interessante que diz assim:
 "Enquanto estiver esperando por Deus, espere em Deus."
Nesse post, citarei uma família como referência do  estudo, a família de Isaque. 

     Jacó e Esaú, filhos de Isaque e netos de Abraão; Conta-se a história que Isaque casa-se com Rebeca  (Gn 24.67a) 
 “Isaque, pois, trouxe Rebeca para a tenda de Sara, sua mãe; tomou-a e ela lhe foi por mulher; e ele a amou.” 
Mas havia um problema, o mesmo que tinha acontecido com Sara que era estéril, estava sob a vida de Rebeca:
“E Isaque orou insistentemente  ao Senhor por sua mulher, porquanto era estéril...”(Gn 25.21a).
É nesse momento que devemos nos  lembrar que não existe impedimentos para Deus. Não tem impossível para Ele. Pois Deus é o dono da vida, se há algo que lhe preocupa faça como Isaque; comece a orar sem cessar.
O resultado da oração dele foi: “E o Senhor ouviu as orações,e Rebeca, sua mulher, concebeu.”(Gn 16.1b)

Mas para que ela pudesse gerar filhos, eles tiveram que aguardar vinte anos. 
Temos que entender que Deus tem um tempo certo para todas as coisas, por mais que você esteja desanimado achando que Deus não irá responder  suas petições. Eu quero querido leitor que aprenda a esperar o momento certo que o Senhor preparou para a sua vida!
 Pois quando a hora certa chegar, com certeza Deus tem o melhor para lhe dar.
 Toda a esterilidade que  você esta passando em sua vida; a falta de gerar alegria, paz, tranqüilidade, amor em seu lar. Deus irá transformar em vida e contemplarás o seu grande poder.
 Espere em Deus, confie, não pare de buscá-lo, pois o tempo da tua vitória chegará!

      Na palavra de Deus lemos que quando ela estava grávida as crianças lutavam dentro do seu ventre e ela disse:
”Se é assim, para que viver? 
Rebeca então foi consultar ao Senhor. Eu creio que ela tenha ido ao lugar sagrado onde o Senhor se manifesta (Ex 33.7). 
Se você precisa de algo ou há alguma dúvida em seu coração, não se apresse em agir por si mesma (o). Procure consultar ao Senhor e Ele certamente lhe dará a resposta certa!
 Dentro do ventre de Rebeca havia duas nações, E o Senhor lhe disse: 
Duas nações há em no teu ventre, e dois povos se dividirão das tuas entranhas: um povo  será mais forte do que o outro povo, e o maior servira o menor.(Gn 25.23) 
 Mais tarde teremos esses dois povos irmãos, os edomitas, descendentes de Esaú, e os israelistas descendentes de Jacó. A história desses dois irmãos é comprida...rsrs por isso vou pular para a parte em que Esaú queria matar á Jacó, pois ele recebeu a benção da primogenitura no lugar de Esaú, tudo por causa que Rebeca deixou de certa forma de acreditar no que Deus tinha falado quando disse:  "O mais velho servirá o mais novo".

Você leitor (a) que esta lendo esse post. Perceba que quando queremos dar uma ajudinha para Deus as coisas começam a entrar em desequilíbrio.
 Se Rebeca tivesse esperado o que Deus havia falado , com certeza evitaria os conflitos que aconteceram em seu lar, pois os resultados da ajudinha dela não foram dos melhores.
 Ela não pode mais ver seu filho Jacó que ela tanto amava,(  Ele teve que fugir de casa por causa da ira de seu irmão Esaú).
Causou divisão dentro de sua família e além de tentar mudar os planos do Altíssimo.

Observando essa passagem bíblica podemos concluir que:

1- Quando Deus promete algo temos que esperar na sua promessa. 

2- Cada "ajuda" que tentamos dar para Deus, pode nos trazer tristes e sérias consequências 

3- O que Deus tem para sua vida tem que ser cuidado e não poder ser trocado por nada.


 Deus tem um projeto lindo para você. 
Espere o tempo que for preciso , pois existe  o momento certo de  Deus cumprir as promessas na sua vida.
 Se você querer fazer do seu modo muitas coisas certamente começarão a entrar em desarmonia.
 E isso não seria agradável não é?

Então tenha paciência e espere pelo melhor do Senhor pra você. 

Deus  te abençoe


Obs: Deixe seu comentario ele é importante para nós!

segunda-feira, 6 de junho de 2016

TAG: Blogs Cristãos

TAG: Blogs Cristãos (blogs evangelicos) Blog Palavra Diária

Paz leitores do Blog Palavra Diária como está?

Hoje vou responder uma TAG sobre Blogs Cristãos onde fui desafiado pela Debora Brazil do blog http://www.deborabrazil.com.br/
Desde já agradeço pela indicação do nosso blog e peço que se puderem passem lá no blog dela e façam uma visitinha amém?
Então vamos as perguntas ?
E, ao final, vou desafiar alguns blogs também tah .....


TAG: Blogs Cristãos

1º O que acha dos Blogs/Vlogs Evangélicos?

Eu acho uma ótima idéia e  uma grande oportunidade para falarmos do amor de Jesus na internet. Ainda mais contando com a tecnologia que nos proporciona diversos recursos como as redes sociais que são grandes ferramentas para a divulgação dos posts.
Eu gosto muito de ler  blogs evangélicos que são referência no que diz respeito ao comprometimento com a verdadeira palavra. Então eu super apoio essa idéia.

2º Você acredita na evangelização através da internet?

Acredito sim. 
Tanto que tenho dois blogs e uso varias plataformas para falar do amor de Jesus.
Muitas são as pessoas que me mandam email dizendo que aprenderam com o blog e que foram edificadas através das palavras.
Então por isso acredito, não só por achar, mas pelos testemunhos que tenho visto por ai.  

3º Cite 3 elementos fundamentais de um Blog Cristão

-foco; tem muitos blogs que se dizem cristão mais passam o tempo todo mudando as coisas. Ai não sabemos qual é o foco destes blog.
 
- Profundidade dos assuntos 
 Hoje em dia muitos fazem blogs só por ter, mas não buscam conhecimento para aprofundar seus assuntos e agradar os leitores.
 
- Divulgação
Imaginemos quantos milhares e milhares de blogs temos espalhados por aí não é verdade?
Mas quantos nunca chegarão lá por não saberem divulgar corretamente sua pagina e seu conteúdo?
O correto na minha opinião é firmar parcerias, criar uma meta e usar várias ferramentas como: whats, facebook , Instagram e google+   que nos ajudam em muito nas divulgações.

4º Que tipo de conteúdo há em seu blog e qual o seu objetivo?

Meu blog dedica-se a estudos bíblicos e meditações da palavra de Deus.
Meu objetivo é ser um dos melhores sites (blog) nesse quesito.
Sei que com muito esforço, dedicação e principalmente com a graça de Deus vou conseguir.

5º Cite pelo menos 3 blogs Cristãos

 Cantinho  Restaurado - Vanderléia Silva

Aqui eu aprendiPastor Ismael

Momentos Preciosos - Neiva Silva

O grão de trigo -  Ev. Eduardo  Moura


Então pessoal espero que tenham gostado das minhas respostas e podem comentar a vontade ta ? rsrsrsrs.
Agora desafio os blogs: Cantinho Restaurado, Aqui eu aprendi, Momentos Preciosos   e o Grão de Trigo a responder as mesmas perguntas.

Deus abençoe a todos e obrigado pela visita.
Abraço.


Escrito por: Paulo Diego Alves  

Receba estudos em seu email