domingo, 13 de abril de 2014

Porque devemos cuidar do nosso pensamento?




Sabe porque devemos cuidar daquilo que pensamos durante o nosso dia?

"Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai."  (Filipenses 4 : 8).


Paz do Senhor meu queridos irmãos!
Estou aqui hoje para falar de um assunto pouco abordado  por teólogos ou pregadores mas que é muito relevante para termos uma vida cristã saudável.

Alguma vez alguém já perguntou  para você: - O que está pensando agora?. 

Com certeza sim. Pois é, e o ruim disso é que o diabo quer descobrir a todo momento o que você está pensando. Nesse estudo entenderemos qual o intenção do inimigo, quais as armas dele e o que podemos fazer  que as setas e dardos inflamados não tenham efeito algum em nós.

O que é o pensamento?

Pensamento e pensar são, respectivamente, uma forma de processo mental ou faculdade do sistema mental1 . Pensar permite aos seres modelarem o mundo e com isso lidar com ele de uma forma efetiva e de acordo com suas metas, planos e desejos.Palavras que se referem a conceitos e processos similares incluem cognição,senciência, consciência, ideia, e imaginação. O pensamento é considerado a expressão mais "palpável" do espírito humano, pois através de imagens e ideias revela justamente a vontade deste.
O pensamento é fundamental no processo de aprendizagem. O pensamento é construto e construtivo do conhecimento.


Porque Deus nos fez criaturas pensantes?

Deus nos fez diferente dos outros seres vivos. A bíblia diz que fomos feitos a imagem e semelhança do nosso Deus. O Senhor criou o homem com o poder de raciocinar e assim dominar a terra e os animais. ( (Gênesis 1 :28)

Imagine

Quero que você nesse momento se desligue de tudo a sua volta, quero que se puder feche seus olhos e imagine uma  linda casa branca,com janelas verdes. Agora você está olhando para as paredes dessa casa e esta vendo um quadro maravilhoso de uma paisagem, agora saindo pela porta tem uma escada que leva você direto para um jardim repleto de flores  rosas e roxas na frente, com uma grama verde que contrasta com toda a beleza ao redor.

Viu como a mágica acontece? foi dada as informações ao você ler, e em menos de milésimos de segundos seu cérebro começou a criar imagens que são totalmente imaginárias mas reais e interessantes.

Do que então devemos cuidar?


1º- cuide do seu coração:   "Pois dele procede todas as coisas".

 " Porque do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios,
  Os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura.
  Todos estes males procedem de dentro e contaminam o homem." ( Marcos 7: 21-23).

No coração começa tudo mesmo: Teus sonhos, projetos e realizações começam em sua mente primeiramente. Assim como uma casa que antes de ser desenhada no computador ou papel por um engenheiro, é "idealizada" antes no pensamento.

Em que você tem pensado durante o seu dia?

2º - Cuide daquilo que pensas: É isso que o inimigo tenta a todo tempo  controlar ou manipular.

Já ouviu aquele ditado: " cabeça vazia é oficina do diabo" ?

O inimigo usa armas invisíveis e poderosas para tentar manipular o que você pensa. Devemos saber que nossa luta não é contra carne e contra o sangue. mas sim contra as potestades e principados. Nossa luta é espiritual.

Veja o que diz (Efésios 6: 11-17):

"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo.
  Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.
  Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.
  Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça;
 E calçados os pés na preparação do evangelho da paz;
  Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.
 Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus.

Dardos inflamados  e setas do maligno v.18: São setas dos mais variados tipos lançadas na mente para que assim façamos o que o inimigo quer.

tipos de setas:
 - duvida
- medo
- pertubação
- malicias
- maldades
-desânimo
- tristeza

São por aceitar essas setas que muitos chegam ao suicídio, depressão e outras coisas inimagináveis.
 Veja o que ocorreu com John Bunyan, autor do livro O Pelegrino, quando foi afligido por uma verdadeira chuva de dardos inflamados do maligno. O trecho a seguir encontra-se no Livro Guerra Espiritual - Combatendo a Boa Batalha da Fé, de Brian Brodersen, nas páginas 22 e 26:

"Por aproximadamente um mês, uma grande tempestade abateu-se sobre mim, atingindo-me vinte vezes mais forte do que qualquer outra que já havia enfrentado. Ela assaltou-me aos poucos, parte por parte; primeiro, todo o meu conforto me foi tirado, depois as trevas se apoderaram de mim, então, rios de blasfêmias contra Deus, Cristo e as Escrituras fluíam no meu espírito, para a minha completa perplexidade e confusão. Esses pensamentos blasfemos despertaram questionamentos em mim contra a própria existência de Deus e de seu único amado Filho. Questionava-me se existia realmente um Deus ou um Cristo e se as Escrituras Sagradas não eram apenas fábulas ou histórias da carochinha, em vez de ser a santa e pura Palavra de Deus. O tentador também me atacava por meio de outros pensamentos: “Como posso afirmar que Jesus é o Salvador através das Escrituras se os mulçumanos podem fazer o mesmo em relação a Maomé? Como é possível que milhares de pessoas pelo mundo vivam sem conhecer o caminho para o céu? E se realmente existe um céu, somente nós, de uma parte da Terra, devemos ser abençoados por ele? Todos pensam que sua própria religião é a mais correta, tanto judeus e mouros, como os pagãos, e se Cristo, as Escrituras e a nossa fé também forem simplesmente um achismo?”. Por vezes, esforcei-me a debater essas influências e citar algumas das frases do abençoado Paulo contra elas. Mas, aí de mim, por que logo caía quando assim o fazia, pois tais argumentos voltavam-se rapidamente contra mim. Embora tenhamos dado grande importância a Paulo e a suas palavras, ainda sim poderia dizer que, na verdade, ele foi muito sutil e astuto, enganando por meio de ilusões com a intenção de eliminar e destruir seus companheiros. Essas influências, junto a muitas outras, as quais não posso e não ouso expressar nem com palavras nem à caneta, dominaram de tal maneira o meu espírito e sobrecarregaram o meu coração, igualmente em número, duração e força, que senti como se não houvesse mais nada dentro de mim além disso, dia e noite. Definitivamente, não havia espaço para mais nada. Também concluí que Deus, em grande ira para com a minha alma, me entregou a essas influências, para que fosse carregado por elas, como em um redemoinho. Foi somente por meio do desgosto que esses questionamentos trouxeram ao meu espírito, que senti que havia algo em mim que se recusava a aceitá-los. Mas eu apenas pude considerar isso, quando Deus me permitiu engolir minha própria saliva, se não o barulho, a força e o poder dessas tentações já teriam me afogado. Enquanto passava por essas tentações, constantemente minha mente colocava-se a amaldiçoar e xingar, e dizer graves coisas contra Deus, ou Cristo, seu Filho, e as Escrituras. Então eu pensei: “claro que estou possuído pelo diabo”. E em outros momentos pensei novamente: “provavelmente fui privado do meu bom senso”. Em vez de enaltecer e magnificar o Senhor como os outros. Se eu apenas tivesse ouvido Ele falar, alguns dos mais horríveis e blasfemos pensamentos teriam sido postos para fora do meu coração. Não importava se eu pensasse que Deus existia ou se, no momento seguinte, achasse que não existia nada disso, porque nem amor, nem paz, nem graça eu conseguia sentir dentro de mim. Essas coisas me afundaram em um profundo desespero, pois concluí que elas não poderiam, de maneira nenhuma, ser encontradas entre aqueles que amam a Deus. Frequentemente, quando essas tentações se abatiam sobre mim, eu me comparava a uma criança que fora levada à força por um cigano, para longe de seus amigos e de seu país. Às vezes, eu chutava e também gritava e chorava, mas ainda estava amarrado às asas da tentação e o vento carregava-me para mais longe. Também pensei em Saul e o espírito demoníaco que o possuiu. Tive o imenso temor de que a minha condição fosse a mesma que a dele (1 Samuel 16:14). Naqueles dias, quando ouvia outras pessoas falando sobre o que era pecar contra o Espírito Santo, o tentador despertava em mim o forte desejo de cometer tal pecado. Eu não conseguia e nem podia ficar calado até que eu o cometi. Depois disso, nenhum outro pecado me servia mais, a não ser esse. Se para ser cometido fosse necessário colocá-lo em palavra, então, foi como se a minha boca o pronunciasse contra a minha própria vontade. Essa tentação era tão forte, que, por muitas vezes, eu ficava preparado para lançar a minha mão debaixo do meu queixo, para impedir que a minha boca se abrisse. Nesse ponto, cheguei a pensar algumas vezes em me atirar de cabeça em uma poça de lama para não deixar a minha boca falar."

Viu o que satanás tenta fazer conosco a todo tempo?


Como  vencer e nos defender de tudo isso?

- Pensai nas coisas que são de cima (Colossences 3:2):

Pense em coisas boas e edificantes, medite sobre momentos bons em casa, ou em sua família. Ocupe-se com bons pensamentos e com certeza terá um dia produtivo e abençoado.
Medite na poderosa palavra de Deus como diz  (Salmos 1:1-3):

 " BEM-AVENTURADO o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
 Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite.

  Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará."

2º-  Use o escudo da fé (Efésios 6: 12):

A fé é o combustível da vida do crente, sem ela é impossível agradar a Deus.
E é somente ela a "fé" que pode apagar os dardos inflamados de satanás. Quando vier pensamentos de tristeza de desânimo repreenda e diga: No nome de Jesus eu sei que sou mais que vencedor.
A fé é que nos mantém em pé e firmes para encarar as lutas do dia a dia, utiliza a sua esperança
 em Cristo Jesus e tenho certeza que não há investidas do mal que terão efeitos em você.

3º -  Entregue se a Deus inteiramente: 
 "Confia ao SENHOR as tuas obras, e teus pensamentos serão estabelecidos" (Provérbios 16:3).

Muitas das vezes bagunçamos nossa mente e coração pela nossa ansiedade de algo. Nós seres humanos na maioria das vezes não gostamos de esperar. Muitos não confiam na provisão de Deus e assim abrem espaço para que o que o inimigo triunfe e domine seus pensamentos.

Encha seu coração de confiança e deixe tudo nas mãos do Senhor. Ele sabe o que nós precisamos, sabe quais são nossos sonhos e projetos.

Amém?.


Deixe seu comentário e sua experiência nessa área que estudamos agora.

Deus abençoe!


Escrito por : Missionário Paulinho





Um comentário:

  1. As vezes nos deparamos com situaçoes dificeis , quase impossiveis de seresolver, mas é nessas horas que parecemos fracos e indefesos que temos que confiar no SENHOR JESUS ele disse que estaria conosco ate a consumaçao dos seculos e ele tambem nos disse que no mundo teriamos afliçoes mas deveriamos ter bom animo pois ele venceu e nos se permanescessemos nele tambem venceremos.Nada é facil, os dias sao maus as pessoas tambem dificil se ter um amigo em quem confiar hoje, mas precisamos ir ate o fim, combater o bom combate terminar a carreira e guardar a fé como nosso irmao PAULO.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário ele é muito importante para nós!
Sinta-se a vontade para elogiar, dar ideia de estudo ou falar algo sobre sua experiência em nossa página.

* Comentários ofensivos serão deletados.

Um grande abraço!

Att:Paulo Diego Alves

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Receba estudos em seu email